quinta-feira, 27 de agosto de 2009

A MEDIOCRIDADE DA CHAMPIONS LEAGUE


Não é minha especialidade, mas vou pedir licença ao colega Douglas Guidini nosso conhecedor de futebol europeu para dar meu pitaco.

Hoje foram sorteados os grupos da Champions League, a dita competição onde se vê os melhores "times do mundo". Para mim não são os melhores, mas os mais caros...Mas isso é outra discussão.

O fato que analisando os grupos me deparei com uma situação que se vive aqui na América do Sul na nossa Libertadores. É "triste" ver na Libertadores equipes como San Martin, Boyaca Chicó, Aurora, Deportivo Tachira, Maracaibo, Audax Italiano, Real Potosi, entre outros. Mas mesmo triste, temos que entender já que tem que se dar chance a todos, se não fosse assim o Once Caldas ou a LDU não seriam Campeões da América.

Mas o curioso é que na GRANDE competição da UEFA nos defrontamos com equipes tão tradicionais quanto "Boiacas Chicós" da vida. Alguém conhece por exemplo: Maccabi Haifa, APOEL Nicosia, Debrecen, Rubin Kazan, Unirea Urziceni?

A diferença é que lá se paga em Euros, e aqui as vezes nem se paga. Por que futebolisticamente falando a Champions League também tem sua parte mediocre como a Libertadores da América.

Além disso antes da competição europeia já podemos definir pelo menos os semi finalistas, ou alguém dúvida que entre os 4 estarão Manchester United, Chelsea, Liverpool, Real Madrid ou Barcelona. Difilcilmente foge disso, talves ingressem nesta lista 2 ou 3 times, não mais que isso.

Já a Libertadores é sempre uma caixinha de surpresas, por que aqui pelos nossos lados para fazer futebol você tem que ser realmente bom, competente! É muito fácil fazer futebol com malas com milhares de euros dentro delas, que diga o "poderoso" Manchester City.

E era isso!

Um comentário:

Fernando Amoretti disse...

Lá falta muito futebol brasileiro.
Aqui é diferente, aqui é o futebol mais bonito e emocionante do mundo.

Quero ver Real e Barcelona no CB.

Clássico, Barcelona x Barueri.
Real Madrid x Sport.

Saudações...