domingo, 25 de outubro de 2009

MAIS UM "CHILIQUE" DO GRINGO!


Conforme previsto pelo blogueiro que vos fala, D'Alessandro poderia decidir o greNAL e assim foi. Mais uma vez ele foi o CARRASCO tricolor!

D'Alessandro não fez uma grande partida, mas o suficiente para ser o destaque do greNAL 378. Alguns torcedores do grêmio já me disseram que o argentino tem chiliques, que é um jogador "chiliquento", pois bem hoje ele teve mais um dos seus chiliques logo no ínicio do jogo e afundou a bola nas redes do tricolor.

Alguns irão dizer que foi sorte do argentino, outros que Victor tomou um frango e assim por diante, mas eu vou dizer que D'Alessandro teve estrela! Mais uma vez mostrou que em grandes jogos ele brilha, principalmente em greNAIS.

Não há como negar que Victor falhou, porém a bola foi muito traiçoeira, "quicou" e acabou subindo muito, tirando Victor do lance. Mas mesmo com a suposta falha, é no mínimo covardia colocar a culpa da derrota no goleiro gremista...O grêmio foi inoperante durante toda a partida, não deu um chute decente em 90 minutos!

O jogo foi muito parelho, foi um típico greNAL, muita marcação e pouco futebol. O grêmio teve volume de jogo, mas um volume completamente sem sal, sonolento. Já o Internacional soube se defender e teve mais oportunidades claras durante a partida, inclusive Alecsandro perdeu um gol imperdível.

Conforme eu já falei aqui no blog, o treinador Paulo "ta entendendo" Autuori desde sua chegada contribuiu muito pouco, para não dizer nada desde sua chegada no tricolor. Conseguiu perder até para Mário Sérgio que nem treinador é, os fracassos se acumulam e Autuori segue prestigiado, vai entender. Só pra lembrar: Celso Roth é vice-líder da competição.

Sai do Beira Rio pronto para chegar em casa com os dedos afiados e pegar pesado com o grêmio, mas sinceramente..."Tô com pena". Se a própria torcida tricolor não faz isso e ainda faz festa depois de perder greNAL, eu é que não vou fazer. Que sigam nesta onda de mediocridade, pra mim e para todos colorados esta muito bom do jeito que esta!

Enfim, só sei que neste ano tivemos 5 clássicos greNAL e o Internacional venceu 4! Nos dois últimos anos foram 9 e o Inter venceu 5 e empatou 3, já o pobre torcedor gremista tem uma mísera famigerada vitória. "Não dá nada" né gremista? O importante é cantar que "o grêmio vai sair campeão", o resto é detalhe.

Assim caminha a MEDIOCRIDADE tricolor.

Já o Internacional esta encaminhando pelo menos a vaga no G4, título ainda acho difícil, mesmo que a matemática diga o contrário e coloque o Inter como candidato erguer o caneco. Após o jogo de quarta-feira no Morumbi diante do São Paulo, poderemos ter uma noção do que o colorado é capaz até o fim da competição.

Parabéns a massa colorada! A rotina segue no Rio Grande...

ESTA TERRA TEM DONO!

E era isso!

27 comentários:

Felipe Cunha disse...

Antes que digam que não houve festa do torcedor gremista após a derrota no greNAL...

http://globoesporte.globo.com/Esportes/Noticias/Futebol/Brasileirao/Serie_A/0,,MUL1354308-9827,00.html

Fagner Pereira disse...

Eu vejo o jogo com 3 fatos.

-> Falha do melhor goleiro do Brasileirão.

-> Pouca qualidade técnica de ambas as partes.

-> vitória do Inter

Felipe Cunha disse...

Como falei, típico greNAL: Muita marcação e pouco futebol.

E o Victor tem crédito no Grêmio até o ano 2025 por tudo que já pegou.

Alexandre Oliveira disse...

D'Alessandro não pode ver a camisa tricolor na sua frente...Ele tem chiliques...

Jogadores com chiliques são perigosos...

Pedro Rafael Marques disse...

O jogador D´Alessandro comprometeu a tua campanha rumo ao título, pois fez conchavo contra o antigo treinador, caso contrário tu estaria no topo da tabela.

Eu vejo o GREnal por quatro fatores:

- Jogo fraco;
- Vitória colorada;
- Falha do Victor;
- Pênalti gritante no Réver, e isso ninguém pode contestar.

Alexandre Oliveira disse...

Pênalti inexistente. Fico com a opnião de especialista na área, chamado Chico Garcia, que afirma que não houve o pênalti, concordo com ele.

E falando em Réver, este mesmo que simulou o pênalti, deveria ter sido expulso no final da partida ao acertar um chute no árbitro da partida, durante a confusão causada pelos destemperados e chiliquentos jogadores tricolores, quando na esxpulsão do envaretado Rafael Marques.

Pedro Rafael Marques disse...

O especialista Chico Garcia, morava ao lado do Piratini, caso tu não saibas e eu sei para quem ele torce. Olhe a cena e verá que ele foi empurrado ao solo pelo zagueiro colorado. O chute que ele desferiu contra a arbitragem foi um erro, pois ele queria acertar o Andrezinho.

Outro fato, mas que não mudou o resultado do jogo, é que a expulsão foi injusta e isso foi comentado por todos da imprensa.

Alexandre Oliveira disse...

Onde ele morava pouco importa...Se é por isso devo concluir então que Leonardo Gaciba não marcou mão do Ronaldinho no Beira Rio pelo fato de ser gremista?

Aí vamos entrar na velha paranóia...

Não houve pênalti. FATO.

Ainda verei time derrotado que não culpe a arbitragem.

Abraços.

Pedro Rafael Marques disse...

O lance do Gaciba, era uma reposição de bola, em que o dito cujo estava no meio-campo, enquanto o árbitro estava na área gremista. Um lance de quase 50 metros de distância, enquanto o de ontem, o senhor Seneme aparece na cena do pênalti em que todos os especialistas sem camiseta definida, elegeram como infração.

Pedro Rafael Marques disse...

BOTA-TEIMA – Pênalti de Bolívar em Rever, na segunda etapa. Foi agarrrado na área colorada. No momento em que Wilson Luís Seneme virava o rosto, como flagrado pela câmera do Sportv/PFC. Infelicidade do árbitro e do Grêmio.

Extraído do blog do Mauro Beting.

Pedro Rafael Marques disse...

Não é choro de perdedor, pois quando o árbitro Rodrigo Cintra errou a favor do GRÊMIO no Engenhão, escrevi para que todo mundo visse que houve favorecimento contra o famigerado Botafogo.

Felipe Cunha disse...

Se o rever quis acertar o Andrezinho e errou é pior ainda.

Deveria ter sido expulso.

Pra mim não foi penalti, mas é de interpretação.

O grêmio perdeu pq mereceu perder e pq é filho do Inter, ponto final!

Pedro Rafael Marques disse...

Ele ia ser expulso por intenção?

A interpretação colorada nega o pênalti, a imprensa nacional viu o lance. Só pode ser essa a questão de interpretação.

O GRÊMIO decidiu 35 vezes com o Inter e venceu 19, ou seja, a paternidade não existe para o teu lado.

Felipe Cunha disse...

Há, e sobre D'Alessandro...Pode ter certeza que esta longe dele a culpa do Inter não estar melhor...Mto pelo contrario, se o Inter soubesse aproveita-lo melhor estariamos em melhor situação.

Já falei aqui, treinador deve trazer o bom jogador pra ele, é ele que vai resolver e não Danilo Silva, Maycon e cia...

Mas lembrando que não isento D'Alessandro por sua rusga com Tite, ele não foi profissional neste episódio.

Felipe Cunha disse...

Pedro, me da os números gerais da história dos greNAIS, pq são estes é que vale!

Mas é claro que deveria ser expulso por intenção! Se eu tentar matar alguém, vou ser preso, não vou?

Não vou discutir penalti, tem coisas muito maiores no greNAL que este lance, isso acontece..Como já aconteceu outras vezes contra o proprio Inter...

Pedro Rafael Marques disse...

Tu comparou um crime com um lance bizarro do jogo. Se todos os juízes punirem por intenção, o Guiñazu não acaba nenhum jogo dele, e tu sabes bem disso.

Eu posso fazer um levantamento dos GRENAIS em que você estava vivo, pois falar do Rolo Compressor e do time dos anos 70, fica difícil para ambos discutirem.

Pênalti é o lance fatal da partida, e ele não deve ser discutido pois tiveram coisas maiores?

Felipe Cunha disse...

Pedro, eu fiz uma figura sobre intenção.

E o Rever tentou agredir, o Guina não agride ng.

Já falei, não adianta discutir o penalti. Tu vai dizer que foi e eu que não foi.

Pedro Rafael Marques disse...

O Guiñazu não agride ninguém é uma piada, só pode ser isso. O Brasil diz que foi, e os 37% do RS dizem que não.

Felipe Cunha disse...

Pedro, sabe que te respeito pois pra mim tu é um cara sensato que sabe muito do esporte. E por isso tu sabe muito bem o que caracteriza agressão no futebol.

Marcação forte é um coisa, tentar chutar deliberadamente um adversário é totalmente diferente.

Pô, é tão óbvio que nem cabe discutir isso.

Felipe Cunha disse...

Última coisa sobre o "penalti", no lance o Rever vem de trás se projetando a frente e o Bolivar vem junto com ele, os dois acabam caindo juntos.

O fato do Bolivar ter segurado a camisa do zagueiro do grêmio é normal em todo e qualquer lance de escanteio.

É só olhar bem a imagem que verás isso, num primeiro momento parece um penalti de carteirinha, mas não é não.

Portanto é um lance de interpretação.

Felipe Cunha disse...

Há mais uma coisa, podemos falar de greNAIS da nossa geração sem problemas, mas não concordo com este teu pensamento de só poder contar as coisas que viveciamos.

Inter e grêmio não foram fundados quando nascemos, não é verdade?

Fagner Pereira disse...

Kenny, (hehehe) penalti claro, ontem no bem amigos da Sportv o Arnaldo colocou o lance para votação no programa e todos levantaram a mão dizendo que foi penalti. Ora, o Bolivar além de segurar braço e camisa do Rever vai com o corpo trombando. Penalti claro e o juiz fez vistas grossas e errou. Podem falar o que quiser aqui, mas que foi penalti foi. Indiscutivel...

Felipe Cunha disse...

O Chico Garcia disse que não foi...

Como falei é interpretação.

Vcs deveriam se preocupar mais com inoperância do grêmio, se fosse marcado o penalti e SE o gol fosse feito só iria mascarar um resultado que no contexto foi justo.

Fagner Pereira disse...

Essa história do Chico Garcia, no domingo mesmo, ao sofrer uma pressão dos comentaristas do Bate Bola, ele voltou atrás, dizendo que concordava com a opinião deles. Agora fui olhar no blog dele e ele interpreta o lance de uma maneira absurda. Lê lá. Ele diz que quando o Rever cai o Bolivar não está mais segurando. Ou seja, pra ser penalti tinha que cair matando. hahahah análise medíocre no mínimo.

E quando a justiça, acho que o empate seria o mais justo pelo que apresentaram as duas equipes. O Inter não jogou absolutamente nada e na falha do Vitor construiu o seu resultado.

Já tinha postado essa análise (comentário) antes e posto novamente.

Felipe Cunha disse...

Fagner, minha opinião: é interpretação.

Poderia, como não poderia ser marcado, pra mim não foi.

O resultado foi justo. Pelo fato que o Grêmio só tocou bola pq o Inter deu campo para o Grêmio tocar já que tinha feito gol cedo. Tanto que o Grêmio tentou, tentou e não penetrou na defesa vermelha.

Fora que mesmo com esta estrategia o Inter teve mais chances claras que o grêmio.

Concordo que o Inter não fez uma grande partida, aaté pq não precisa fazer uma grande partida para ganhar do grêmio. Heheeheh! Não resisti.

Abraço!

Fagner Pereira disse...

É, mas vai precisar começar a fazer grandes partidas para ganhar o campeonato, pq com essa bolinha, não ganha. Aliás, ontem, também no Bem Amigos, foi analizado inclusive pelo professor Ruy Carlos Ostermann que São Paulo e Inter tem as melhores rodadas até o final. Na teoria, claro. Mas Inter e São Paulo pegam times mais fracos e os mais fortes que pegam, são em casa.

Felipe Cunha disse...

Com certeza, e por isso que racionalmente não acredito no título do Inter.

Apesar que como falei no post de hj, como faltam poucos jogos não importa jogar bem e sim pontuar.