quarta-feira, 14 de outubro de 2009

RINDO À TOA


Essa foto exprime um pouco da satisfação que o presidente Roberto Dinamite deve estar sentindo no momento. No ano mais conflituoso da história vascaína, ele vai recolocar o Vasco da Gama no rol dos grandes clubes brasileiros.

Após um início de gestão turbulento, onde as dívidas pipocavam dia após dia em seu gabinete, o ex-craque e gestor do Gigante da Colina, pode começar a sorrir do atual momento em que se encontra o seu Vasco. Líder da Série B e atualmente contando com mais de 30 mil sócios, projetando um futuro onde o Vasco retorne ao rumo das grandes conquistas. Além de recuperar o clube institucionalmente, o surgimento de novos valores pode gerar receitas que ajudem a amenizar a situação, e para isso a direção acertou desde o início de 2009, quando levou Rodrigo Caetano (ex-GRÊMIO) para o seu grupo de trabalho. Dois novos atletas surgiram e vão gerar dividendos ao clube cruz maltino. Felipe Coutinho e Alex Teixeira, ambos jogadores das seleções de base do Brasil, e que estão tendo um bom desempenho representando o nosso País. Posso até me enganar, mas vejo no Vasco um trabalho de direção mais consistente entre os clubes cariocas.

Você acredita na manutenção desse trabalho ou o estilo Euricão voltará ao Vasco da Gama nos próximos anos?

2 comentários:

Felipe Cunha disse...

Acho que a segunda divisão pode ter feito bem ao Vasco. Isso aconteceu com Palmeiras e Grêmio que voltaram a série A fortalecidos.

Acredito sim que o Vasco vem forte em 2010.

Felipe Cunha disse...

Só para concluir...

Tomara que o Dinamite volte com força a série A, seria um tapa de luva no Euricão.