segunda-feira, 9 de maio de 2011

ATITUDE




Sabendo que no futebol, cada um tem a sua opinião, e tudo junto não se aproveita nada!

Gostaria de colocar a minha, mais uma vez, em relação a escolha de Falcão como treinador do Internacional. E, para não parecer oportunismo, voltemos ao dia 11/04/2011. Um dia após o Inter ter anunciado o maior jogador do sul do país de todos os tempos, para o lugar do contestado Celso Roth. Eu postei aqui nesse blog o que eu pensava em relação a contração. Contestando justamente a qualidade de Falcão como técnico.

Pois bem, se para não nos contradizermos, preferirmos manter a elegância. Eu digo que estamos errados. Falcão tem culpa sim!!!

E, digo mais: Falcão e principalmente a direção que o contratou. É INADMISSÍVEL, PERDER PARA O GRÊMIO!!! Parem com essa história de que grenal é diferente, que não tem favoritos e todo o resto. O Gremio não existe cara!

São erro indiviuais gravissímos, um destempero descabido, tudo isso combinado por uma casamata despreparada, para dar equilíbrio de jogo a equipe, e sustentação emocional aos jogadores.

Já li várias vezes aqui no blog, até, que, esse elenco é o melhor da América. E, se realmente fosse o melhor, usando uma lógica, não interessaria o técnico, o time mesmo se resolveria, certo?...Errado!! O Inter tem um elenco falho, não temos: zagueiro, lateral direito, goleiro e outros. Muitos desses já chegaram ao final de seu ciclo no clube, e um exemplo é o Bolívar. Ele ERROU nos 2 primeiros gols do adversário. É mais fácil culpar o goleiro, claro...ele saiu mal. Mas, alguém que realmente jogue bola aqui, me falem se eu estou errado, mas quem tem que cortar aquela bola é o zagueiro. Ele não pode deixar o cara sozinho como ele deixou, se o goleiro saiu mal é consequência, Bolivar parou. Assim como fez no segundo gol, onde ele nem da o bote no cara e, tão pouco acompanha o atacante que passa as costas dele para fazer o gol da virada.

E, não esqueceremos o técnico. Por favor, se esse time do Inter é bom "no papel". Falcão nem nisso é técnico de verdade. Como eu havia postado: puro Circo, jogada de marketing, Falcão não sabe separar, ainda emoção da razão. Esta claro, que em momento de pressão ele não sabe se orientar como deve, e acaba mexendo errado. P... tirar o D'Alessandro! É brincadeira!

Falta atitude de profissional ao time colorado. Perder de virada dentro de casa, é imperdoável. Seja, Grêmio ou Peñarol.

Essa decisão ainda não acabou. E, teremos que ir com esse time mesmo, paciência. Mas as atitude, dos mais consagrados têm que existir. Falcão disse, quando chegou, que o time deveria mudar sua postura, não ser tão conivente com os resultados.

Então meu velho, só peço ATITUDE! Sermos campeões é que questão de honra!!

Fui claro?

3 comentários:

Felipe Cunha disse...

Buenas, vamos por partes.

Eu mesmo disse que o grupo de jogadores do Internacional é o melhor da América. Se não o melhor um dos melhores. E continuo dizendo isso.


Só que um detalhe, que inclusive já postei sobre isso hoje.

Fim de ciclo, fadiga dos metais.

Renan, Lauro, Bolivar, Índio, Mathias, Guinazú, Tinga, Sóbis, Cavenaghi e mais outros não são maus jogadores. Muito antes pelo contrario, são bons ou ótimos jogadores.

Só que estes nas sua maioria (exceto Cavenaghi) já ganharam "tudo" pelo clube. E o ciclo se encerrou na derrota para o Peñarol.

Se tivessemos passado do Peñarol acredito que o grenal poderia ter sido diferente, mas paulada na Libertadores foi muito grande.

Este time respira Libertadores, o reflexo do PeñarolZAÇO se viu no domingo. Tanto que até o torcedor não foi em grande numero ao estádio.

É preciso mudar, tem que botar a gurizada em campo. Colocando o gás da gurizada somada a experiência dos "veteranos" podemos ganhar dentro do Olímpico. Não tenho dúvidas.

Discordo de toda a culpa que tu coloca no Falcão, acho que neste momento tem que se cobrar da equipe. Bolivar foi ridículo no grenal, podia estar sentado o Telê Santana no banco colorado que não resolveria.

O Falcão, o Roth, seja o treinador que for. Nenhum deles perde gol na cara do goleiro e nenhum deles fica olhando o VIÇOSA pular sozinho na cara do Renan DUAS vezes.

Felipe Faria disse...

É justamente essa a questão: Opinião, conceito, formato de pensar futebol.

Não sei se essa gurizada aí da conta do recado, vamos voltar para 2003. Um bando de guri. È muita pressão cara!

Temos que contrar com qualidade e pontualidade.

Felipe Cunha disse...

Pode ser, mas para surpreender, tem que fazer diferente. Se não, nem precisa jogar, é só entragr a taça pro Grêmio.