terça-feira, 16 de junho de 2009

Apostar ou Não????

Você está no maior cassino de Las Vegas, com suas últimas fichas nas mãos...Você coloca na mesa? Ou utiliza a prudência e vai para casa com o que já tem?

Até onde vale apostar?

Na final da Copa do Brasil que se inicia amanhã, vislumbro situação muito semelhante. Os treinadores tem suas fichas nas mãos e precisam escolher aquelas que julgarem lhe trazer "maior sorte".

No caso de Mano Menezes, uma de suas fichas da sorte não poderá ser posta na mesa: André Santos! Um dos principais jogadores do time paulista desde o ano passado, o lateral esquerdo que está servindo a seleção Brasileira, é um desfalque sério, já que Mano não tem um substituto que jogue 50% do que joga seu titular.

Mano vai inventar? Não sei, mas que ele gosta de aprontar surpresas, isso nós já sabemos...

Pelo lado colorado, as fichas ausentes das mãos de Tite, não são menos importantes.

Tite tem em Marcelo Cordeiro um bom substituto para Kléber, para a vaga de D'Alessandro o novo talismã, Andrezinho...Mas e na vaga de Nilmar?

Alecsandro é bom jogador, mas quando Nilmar não joga, muda tudo! O Inter perde a velocidade de contra ataque e habilidade nos dribles...
Ganha um jogador de posicionamento dentro da área, e aí tem que valer muito o apoio principalmente com Cordeiro pelo lado esquerdo.

Tite vai inventar? Talvez...Tem se cogitado a utilização de Índio como lateral direito e Danny na zaga. Acho que o Índio tem uma excelente saída pelo lado, mas uma coisa é sair como zagueiro, outra é sair como lateral...mas vamos aguardar.

Então, vale apostar?

Acho que é válido sim, se der algo errado, ainda teremos uma última rodada na roleta e 90 minutos para ficar rico ou sair sem nada!

2 comentários:

Felipe Cunha disse...

Uma coisa eu posso afirmar: VAI SER UMA BAITA FINAL!

Fernando Amoretti disse...

Se chegamos até aqui sem inventar por que começar agora ?

Rosinei (quero apostar nesse jogador), já fez a função da lateral e prefiro que faça agora, pois não tenho confiança no Danilo.

Grande FINAL...não poderia ser outra...

Saudações...