sexta-feira, 9 de outubro de 2009

CARA NOVA E COM TALENTO

Não sei quanto aos colegas blogueiros, mas eu tenho convicção que trata-se de uma cara nova e com talento no mundo da bola.

Vemos tantos treinadores badalados, fazendo contratos astronômicos, em cifras que nunca juntaremos na vida, enquanto o seu trabalho beira o comum ou à ridicularidade. Então, porque não apostar num treinador que é um neófito, porém com um currículo interessante. Vejamos por essa ótica, Silas trabalha num clube que todos apostavam como rebaixado, e deu uma reviravolta na competição, colocando-se em décimo lugar na atualidade e livre da degola. Cabe salientar que, o Avaí passou por momentos horrorosos no início do Brasileirão, em que o time ficou em último lugar por 6 rodadas, sem nenhuma vitória sequer.

Entendo que, a cobrança sobre um profissional que esteja iniciando a carreira deva ser constante e ferrenha. Mas, vejo clubes que alegam uma extrema crise financeira, gastando aos borbotões com profissionais caros e com um retorno bem abaixo do esperado.

O ano de 2009, foi um grande exemplo disso, pois temos o Santos como exemplo, que apostou num novato e se deu mal, e após isso investiu num medalhão e o retorno não veio, e nem virá nessa temporada. Tratando das coisas locais, temos o GRÊMIO que alega crise, mas gasta num treinador renomado. O Palmeiras, atual líder dessa competição, quebra esse conceito, pois abriu os cofres em termos de contratação de um técnico que o leve às grandes conquistas, e está próximo de uma, só depende dele.

No caso do seu clube, é preferível investir alto num treinador ou guardar esse dinheiro na formação de um plantel qualificado e competitivo?

2 comentários:

Felipe Cunha disse...

Acho o Silas muito promissor. Porém a ressalva é que a pressão no Avaí é quase nenhuma se comparando a um grande clube.

Como colorado, eu ainda não apostaria no Silas, talvez esteja equivocado. Mas espero que Luxemburgo seja contratado para 2010 e retome sua carreira vitoriosa...

Esta na hora do Inter ter um treinador TOP de linha.

Fernando Amoretti disse...

Acredito que o Silas tem um grande futuro pela frente. Mas pro Inter não sei se seria um bom treinador.

Concordo com o Felipe, Wanderlei Luxemburgo é o grande técnico que o Inter precisa.