segunda-feira, 30 de novembro de 2009

BAGACEIRA!


Não tem outra palavra que defina as declarações do jogador Souza ontem após o jogo do Grêmio diante do Barueri que não seja "BAGACEIRA".

Antes que me chamem de hipócrita quero dizer que entendo e concordo com o torcedor gremista que deseja que seu time entregue o jogo contra o Flamengo, se fosse o Inter na mesma situação meu sentimento não seria diferente. Porém o jogador de futebol, dirigentes e profissionais do clube tem o dever de ter uma conduta profissional que respeitem a sociedade como um todo. Já vivemos em país que é governado por "malandros", oportunistas, corruptos e por ai vai, sabemos que o futebol é a maior paixão da população brasileira, então o mínimo que espero é respeito daqueles que fazem o mundo da bola girar.

Dentro do vestiário gremista ao lado de seus companheiros Souza poderia falar o que bem entendesse, mas externamente nos microfones da impressa ele deveria se mostrar profissional sem ser hipócrita. Não precisaria dizer que vai dar o sangue diante do Flamengo, mas sim que jogaria como sempre jogou, honrando a camisa gremista. Pronto, seria uma declaração política e respeitosa com a própria competição.

Mas o que esperar de um jogador que aparece muito mais pelas asneiras que fala do que pelo seu próprio futebol, e olha que se trata de um bom jogador, mas as bobagens que saem de sua boca superam sua habilidade com os pés.

Souza disse que não quer ser "um jogador marcado por ajudar seu rival", ok muito bonito, então será marcado por ser um jogador que entrega partidas, uma marca muito mais forte do que ele teme carregar.

O pior é que não estou surpreso com a atitude de Souza, um jogador que foi marcado na carreira por declarações fortes, e como falei a sua língua é muito mais afiada que seus pés. Me arrisco a dizer que se não fosse suas declarações, Souza poderia até ser um jogador de seleção brasileira. Só que para vestir a camisa canarinho atualmente, é necessário antes de mais nada ter uma conduta exemplar, principalmente agora com Dunga no comando.

Vejam como a vida é engraçada, a pouco tempo atrás este mesmo jogador deu entrevistas contando sua vida, das dificuldades que passou na sua infância, explicando e se orgulhando de como superou tudo e teve sucesso na sua carreira. Souza por várias vezes disse ter orgulho de si, que sempre foi "homem" para enfrentar todas as situações...Pois é, nada com um dia após o outro. E agora Souza onde esta a tua dignidade que tu mesmo tanto se orgulha?

Pois é Souza, "o peixe morre pela boca".

*************

Vou repetir: Nesse momento, gremista tem mais é que pedir para seu time entregar. Mas profissional não é torcedor, "profissional é profissional".

E era isso!

7 comentários:

Alexandre Oliveira disse...

O Grêmio não vai entregar. Apenas perderá o jogo...algo normal, afinal o Grêmio não vence fora de casa...será apenas mais uma derrota tricolor.

Igor sausmikat disse...

Aliás durante toda a semana vai se falar e vai ser levantada a questão não tem como se esquivar!
e olha que o mesmo Souza em microfone da Rádio Bandeirantes aí de POA dizia entregar o jogo e agora essa dele de voltar atrás,ai ai ai.ou o Souza se decida no que falar ou vai se queimar mesmo.
eu tinha elogiado,pois o Grêmio não tem mais nada do que fazer no campeonato e pode entregar disso e o torcedor claro quer que entregue e até estão preferindo o SP como campeão do que ver o Inter.No caso da dupla Grenal a rivalidade intera.O Inter teve um ano que fez a mesma coisa também,entãoos dois lados já fizeram o seu ou farão ainda pra quem talvez ache que nunca rolou isso.
A rivalidade muda tudo.
abraços a todos e quem quiser conferir meu blog de esportes olha ele aí,conto com participação de todos sempre: http://igoresportes.blogspot.com/
e o blog aqui tá demais
abraços a todos do de revesgueio

Fernando Amoretti disse...

Não há muito que se esperar do Grêmio. E não é pelo fato de entregar ou não e sim pelo histórico do Grêmio em jogos fora.

Quanto a Souza, ele pode PENSAR o que quiser, mas se tratando de um profissional não pode dar uma declaração com tanta falta de profissionalismo.

Pedro Rafael Marques disse...

Vivemos num Estado democrático de Direito, portanto, qualquer manifestação é livre. Cabe ser analisada, a atitude dos atletas do GRÊMIO no decorrer dos 90 minutos.

Assim como as manifestações, o choro também é livre.

Felipe Cunha disse...

Discordo totalmente Pedro, jogador de futebol é figura pública. É exemplo para sociedade, principalmente para as crianças.

As declarações do Souza são inadimissíveis, tanto que será denunciado no STJD.

Pedro Rafael Marques disse...

Engraçado que o exemplo que o D´Alessandro deu na final da Copa do Brasil, não foi questionado por ti. E as crianças coloradas devem ter ficado muito abaladas com esse fato.

O senhor Rubens Aprobatto e o glorioso Paulo Schmidt, em nenhum momento disseram que houve denúncia no STJD.

Felipe Cunha disse...

Simples:

Pq atitude do D'Alessandro prejudicou ele e a equipe dele. Além disso ele foi punido, o que o Souza falou é falta de caráter.

Ok Pedro, se apoia a patifaria dos profissionais da bola eu lamento.

Já disse torcedor é uma coisa, profissional é outra bem diferente.