terça-feira, 24 de novembro de 2009

RAPIDINHA - RESERVAS



É com tristeza que escrevo sobre a informação de que o boçal do presidente tricolor anunciou. O Grêmio jogará com reservas os próximos dois jogos do campeonato.

Digo então que o Flamengo perderá para o Corinthians na próxima rodada e não precisaremos dos tão dignos tricolores que preocupam-se muito mais em vingar-se do ocorrido no ano passado quando o Inter perdeu para o São Paulo enquanto estava em meio a sulamericana.

Atenção tricolores, se os Deuses do futebol quiserem não precisaremos da ajuda de vocês para nada.
Duda Kroeff, medíocre assim como a campanha do Grêmio em 2009.

Saudações...

3 comentários:

Igor sausmikat disse...

queria ver se esses reservas do Grêmio aprontariam contra o Flamengo hein?vão falar que é mala branca ou algo do tipo,ou simplesmente nada!
abraços e o blog segue mto bom como sempre!
fuiii
e meu blog tá aqui com novidades quem quiser olhar: http://igoresportes.blogspot.com/

Felipe Cunha disse...

Já falei sobre isso antes, este lance de "entregar" é coisa de torcedor, jogador profissional não entra nessa.

Como Duda não vai ter cara de pedir para os jogadores entregarem, já que ele mesmo disse que o gremio entra sempre para vencer, ele ordenou que o gremio jogue com uma equipe enfraquecida que naturalmente perderá para o Flamengo.

Mas até parece que precisa disso, o gremio tomou pau de "todo mundo" fora de casa, não seria na última rodada que isso iria mudar.

Sobre o sentimento dos gremistas que querem que o gremio entregue, eu respeito e concordo...Eu desejaria o mesmo se fosse o contrário. Mas volto a repetir: ISSO É COISA DE TORCEDOR.

Pedro Rafael Marques disse...

O Inter nunca faria isso, pois é um clube ético e correto. Parem com a hipocrisia, quem for o campeão é porque mereceu. Quanto aos resultados paralelos, isso indica que o time não teve forças para vencer por suas próprias qualidades e vacilou em algum momento. Indiferente de quem for, o Brasileirão 2009 será de quem fez por onde para obter essa conquista.