segunda-feira, 1 de fevereiro de 2010

GOSTEM OU NÃO, ELE É MATADOR!


Se perguntarem para torcedores de qualquer clube do Brasil qual seria o seu centroavante dos seus sonhos, nenhum deles responderia com o nome de Alecsandro.

O centroavante colorado não é o camisa 9 sonhado por ninguém, mas esta longe de ser este "zero à esquerda" que parte da torcida vermelha esta pintando. Alecsandro é sim bom jogador, contra números não há argumentos: Em 67 partidas pelo Inter ele fez 30 gols, sua média 0,44 gols por jogo, ou seja, 1 gol a cada duas partidas. Estes números são excelentes!

Alecsandro esta longe de ser um craque, não é o tipo de jogador que tem a capacidade de decidir um jogo "sozinho", mas inegavelmente ele é efetivo. Acho sim que por muitas vezes ele é preciosista demais, erra lances fáceis querendo "enfeitar", mas por outro lado é um jogador com boa capacidade técnica e tem o faro do gol, é o típico matador.

Se quando Alecsandro tivesse chego no Beira Rio não houvesse um jogador chamado Nilmar, não tenho dúvidas que o centroavante colorado seria um dos ídolos do time, seus números não me deixam mentir. Porém a comparação e a carência do torcedor por Nilmar, faz com que Alecsandro carregue um grande fardo, que é a comparação direta com Nilmar. E é ai que se faz a injustiça, Nilmar é jogador de seleção brasileira, Nilmar é craque, Nilmar decide jogos sozinho, comparar um centroavante que é apenas comum, mesmo sendo bom jogador com Nilmar é no mínimo inviável.

Tenho convicção que se Alecsandro tiver um parceiro de ataque efetivo, ele pode ter muito mais sucesso, e o fato é que este parceiro não é o garoto Taison, pelo menos não por enquanto. Outro fator importante é a chegada de Kleber Pereira, um jogador que se estiver bem fisicamente é MELHOR que Alecsandro sem dúvida nenhuma. Então apartir de agora Alecsandro além de enfrentar o ranço do torcedor, tera uma sombra de peso a suas costas, e para superar estas adversidades ele terá que fazer muitos gols, diga-se de passagem gols que ele já vem fazendo.

Para finalizar costumo dizer que: "Centroavante não tem que jogar bem, centroavante tem que fazer gol". E gostem ou não, Alecsandro sabe sim fazer gols.

PS: Preferi não falar sobre o GRENAL, deixei para que os colegas analisem a vitória JUSTA do Internacional. Aliás, mais uma.

E era isso!

Um comentário:

gabrielagoas disse...

bem analisada a situação do aleccone...
tbm acho q mesmo sob vaias em 2009 o cara se superou e no grenal 379 foi o matador...

que continue fazendo seus gols e ajudando o Inter


acessem tbm interlagoas.blogspot.com