quarta-feira, 26 de maio de 2010

AS SELEÇÕES DOS MAIORES CLUBES DO BRASIL - PARTE II


Seguindo a idéia do Pedro (colega do blog), estou postando as minhas seleções dos grandes clubes brasileiros. Na verdade eu já tinha feito as minhas seleções no ano passado antes mesmo de ter o blog, e depois da criação do "De revesgueio" acabei não postando.

Eu ia colocar as minhas seleções nos comentários do post do Pedro, mas como eu tinha elas em uma planilha excel preferi fazer um print das equipes selecionadas e postar como imagem.

Bela iniciativa Pedro!

Notei que fundamentalmente as diferenças entre as minhas seleções e as do Pedro é a nossa idade (hehehe), como o Pedro é um "pouquinho" mais velho ele teve o prazer de acompanhar mais de perto grandes jogadores como Renato, Zico, Adílio, Sócrates, etc. Mas para montar minhas equipes segui a mesma linha do Pedro, coloquei apenas jogadores que eu vi jogar.

Lá vai:




E era isso!

8 comentários:

Pedro Rafael Marques disse...

Noto que no time colorado, temos pouquíssimas divergências. Quanto ao Clemer já te disse que foi um dos goleiros mais fracos que vi no Beira-Rio, mas teve a sorte de ter um grande time para ajudá-lo. Se tu queria falar de um mais lateral mais recente, eu acho que o Granja contribuiu bem mais que o Ceará, porém ele foi decisivo na final do Mundial. O Índio jogou demais, mas o Lúcio foi destaque num time ridículo que o Inter apresentou. Únicas contestações ao teu time colorado.

Pedro Rafael Marques disse...

No time do GRÊMIO, lamento que Deus não tenha te proporcionado ver o rapaz da camisa 7 jogar no Olímpico. Era mágico e por vezes engraçado, ver aquele fominha driblar o mesmo cara umas duas a três vezes. Um consagrador de centroavantes e um fazedor de gols irritante.

Tem jogadores que deveriam jogar a vida inteira, pra todo mundo ver o que eles faziam. Muitos me falam de Falcão, e como eu queria vê-lo jogar.

Pedro Rafael Marques disse...

No time do Palmeiras, temos apenas duas divergências. Eu sou fã do Rivaldo, mas o Djalminha era um show à parte. O Cléber até podia estar na minha lista, mas eu gosto de um zagueiro que vai ao ataque, e por isso a minha predileção pelo Roque Jr.

Pedro Rafael Marques disse...

Betão no Corinthians é deboche, né?

Felipe Cunha disse...

O Betão fez um 2005 muito bom depois caiu, mas depois me lembrei do João Carlos que foi campeão brasileiro pelo Corinthians...

Felipe Cunha disse...

O Granja jogava muito, mas se machucava demais e acabou perdendo lugar para o Ceara que era muito regular e eficiente.

Nunca achei o Clemer fraco, tinhas suas limitações, mas crescia muito em decisões. Claro que o Taffa era mais goleiro tecnicamente falando, mas os títulos do Clemer ao lado dos momentos deisivos acabam sendo mais relevantes na minha opinião.

Felipe Cunha disse...

Agora vamos combinar que é difícil fazer o São Paulo né? Muitas opções...

Pedro Rafael Marques disse...

O São Paulo do fim dos anos 80 e até os dias atuais, só montou bons times. É brincadeira...