sexta-feira, 8 de maio de 2009

NÃO SEI SE VOU OU SE FICO

Um dos maiores dilemas dos campeonatos em que há o famoso mata-mata, é a questão do jogo a primeira fora e decido em casa, ou faço ao contrário? Isso é algo tão polêmico, que o sorteio deveria ser feito antes da novela das "oito" ou no temido "Plantão da Globo".

Agora no início do ano futebolisticamente falando, estamos a mercê de grandes confrontos em todos os âmbitos, tanto nos nacionais quanto nos continentais. E essa prática do que eu resolvo os meus "problemas em casa", é uma teoria criada pelos nossos "hermanos" e que copiamos por vermos os nossos vizinhos de continente derrubando um a um os seus adversários. Pois sob qual circunstância eles obtinham esse êxito?

Os colegas de continente ganhavam "a fórceps", ou seja, de qualquer jeito, com força, garra e uma torcida que demoramos décadas para imitar, e ainda estamos em busca de algo similar na "terra brasilis". Outro fator a ser citado, é das condições de campo que eles nos impunham num passado não tão distante assim. Estádios que eram com todo o respeito, um pouco melhores do que o estádio do "Zequinha".

Toda essa tergiversação, foi só para elucidar um fato: Dos times que estão vivos na disputa da Copa do Brasil, não vejo nenhum que possa tornar o fator local, um agravante ao adversário. Mas, vejo um que é muito mais qualificado que os demais, veste vermelho e mora em Porto Alegre às margens do Guaíba.

Historicamente, os times brasileiros decidem os seus títulos pela qualidade e não por sua bravura, mas como o mata-mata é uma decisão em que loucuras viram realidade, "creio em tudo e não acredito em nada".

Um comentário:

Felipe Cunha disse...

"Um dos maiores dilemas dos campeonatos em que há o famoso mata-mata, é a questão do jogo a primeira fora e decido em casa, ou faço ao contrário? Isso é algo tão polêmico, que o sorteio deveria ser feito antes da novela das "oito" ou no temido "Plantão da Globo"."

Nem o mestre Armando Nogueira teria definido tão bem esta questão. Sensacional! ;o)

Mas realmente, se criou essa espécie de "lenda" que decidir em casa é melhor. Mas e se no primeiro jogo tu toma uma lambada de 3 ou 4? Já era...Ou "quase" já era.
Por outro lado tb não estou dizendo que é melhor jogar a primeira em casa, acho que isso é válido muito pela circunstância das duas equipes.

Por exemplo: Para este enfrentamento contra o Flamengo, EU ACHO, que seria melhor para o Inter jogar a primeira nos seus domínios. Já que esta com 5 jogadores pendurados, e jogar em um campo grande como o Maracanã é meio inevitável vc ter que fazer faltas...