quarta-feira, 5 de agosto de 2009

O CASO FERNANDÃO


O fato é que o episódio da "volta" do Fernandão para o Internacional foi uma lambança, e de todos os lados. Tanto pelo lado do Inter quanto pelo próprio Fernandão.

Ouvindo ambas as partes ficou claro que:

1º) A direção colorada "queria" contratar Fernandão muita mais como uma satisfação para torcida do que pelo futebol do atleta. Tanto isso é verdade que não deu a atenção necessária para a situação.

Acho que Fernando Carvalho não soube conduzir esta situação, talvez tenha ficado constrangido em dizer ao capitão que não queria mais contar com ele e prefiriu empurrar o caso com a barriga. Erro da direção.

2º) Fernandão por outro lado foi "vaidoso", se sentiu desvalorizado por Fernando Carvalho ao receber um e-mail perguntando qual seria sua proposta para jogar no Internacional.

Disse que Fernando Carvalho mudou seu itinerário e acabou indo para o Japão, já que iria ficar no Brasil para falar com ele. Neste caso ponto para FC, lugar de vice de futebol é junto com a equipe, ainda mais em caso de disputa de título, seja ele qual for.

Que diferença faria para o Fernandão esperar o Inter voltar de viajem? Sexta feira Fernando Carvalho estará em Porto Alegre, poderia sim ter respondido via e-mail que gostaria de conversar pessoalmente com dirigente e até o final de semana estaria tudo resolvido.

Resumindo: O Inter se fez de "salame" e o Fernandão foi "presciosista".

Nesse meio tempo surgiu o Goiás dando um tratamento diferenciado ao Fernandão, o que fez ele sentir desvalorizado pelo Internacional.

E era isso!

6 comentários:

Fagner Pereira disse...

Acho que Fernandão foi pro Goiás onde será tratado como ídolo pela torcida e pelos dirigentes do Goiás. A verdade é que Fernando Carvalho não tinha ele como prioridade, só isso. Mas Fernandão merecia essa prioridade. E vamos combinar, nesse mundo, recebe-se e-mails até em viagem.

Nada é desculpa. Mas volto a dizer, Fernandão agiu de forma correta, foi para onde ele não será uma alternativa e sim um reforço.

Felipe Cunha disse...

Não existem desculpas Fagner, cada um tem seu lado. Eu queria Fernandão, mas depois de ouvir a direção respeito seu lado.

E tb respeito a escolha de Fernandão.

Nada muda, Fernandão segue sendo o maior jogador da história do Internacional!

Diogo disse...

Errou o Inter.

Felipe Cunha disse...

Diogo,

Acho que o Inter não soube conduzir a situação, isso é fato.

Mas o Fernandão foi muito preciosista, já dizem os antigos: um pouco de canja de galinha e humildade nao fazem mal a ninguém.

Alexandre Oliveira disse...

O Inter cometeu um erro imperdoável!

Felipe Cunha disse...

Eu queria e quero muito Fernandão no Inter novamente. Mas respeito a posição da direção em não querer o jogador, apesar que isso é o que eu deduzo, não o que o Inter diz.

Mas volto afirmar Fernandão não teve humildade, foi preciosista.